Novos Padrões de Avaliação do Modelo Internacional Qmentum – IQG

NOVOS PADRÕES DE AVALIAÇÃO DO MODELO INTERNACIONAL QMENTUM – IQG

Na busca do maior potencial de saúde, a prestação de serviços de saúde deve se adaptar e evoluir de acordo com as mudanças demográficas e o cenário epidemiológico. Este contexto exige mudanças urgentes, pois o envelhecimento da população deu origem ao aumento da prevalência de doenças não transmissíveis, comorbidades, cronicidade. E uma significativa mudança na maneira como aliviamos a dor, restauramos a saúde e prolongamos a vida.

Essa mudança de cenário exigiu uma reorientação dos serviços de modo que a prestação de cuidados seja proativa e não reativa, abrangente e contínua, em vez de episódica e específica da doença, fundamentada nas relações paciente-prestador, em vez de cuidados incidentais conduzidos pelo prestador.

Responder a este contexto exige serviços de saúde centrados nas pessoas, ou seja, garantir ganhos de saúde através do fornecimento de serviços adaptados às necessidades de cada indivíduo. Demanda um atendimento planejado, contínuo, apropriado, responsivo e aceitável para a população que se pretende servir.

Com o propósito de trabalhar para transformar a saúde, o IQG e o HSO iniciam o processo de avaliação para serviços especializados que atendam esta nova demanda:

  • Cuidados Paliativos
  • Cuidados de Longa Permanência
  • Serviços de Reabilitação

Publicado em: 05.02.2020

Mara Machado – CKO Chief Knowledge Officer

Curso de Capacitação para Avaliadores – IQG | Março/2020
Papel dos Médicos na Transformação do Sistema – I

Publicações similares

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu